sexta-feira, 26 de maio de 2017

Juventude e extremismo: o quebra-quebra como um fim em si mesmo.

Por Thiago Kistenmacher

Ontem (25/05) assistimos mais um lamentável episódio de arruaça e vandalismo que a Globo News insiste em chamar de “manifestação”. Não é de hoje que jovens “engajados” por um “mundo melhor” quebram tudo em favor da “democracia”; não é de agora que apaixonados políticos de rosto coberto enfrentam a polícia com a desculpa de agir em defesa do “povo”- que por sinal trabalhava enquanto os alienados por ideologias totalitárias brincavam de guerrinha nos arredores do Palácio do Planalto. Não confio nesse pessoal e nem estou aqui para defender o presidente Michel Temer, mas estou com H.L. Hencken quando ele escreve que “o desejo de salvar a humanidade é quase sempre um disfarce para o desejo de controlá-la”.

quarta-feira, 24 de maio de 2017

Terroristas de esquerda colocam fogo no prédio do Ministério da Agricultura


Vários grupos de esquerda marcaram para esta quarta-feira (24/05) uma manifestação em Brasília contra as reformas trabalhistas e da Previdência do governo Temer. Estavam presentes movimentos sindicais como CUT, partidos de estrema-esquerda e grupos como MST, o “exercito do Stédile” como disse Lula.
-
Em pouco tempo a manifestação revelou-se um grande ato de terrorismo, com a destruição de bens públicos. Vários ministérios foram severamente depredados. Os extremistas, inclusive, colocaram fogo no prédio do Ministério da Agricultura, fazendo com que o prédio fosse evacuado pelas autoridades. Pessoas foram presas por portar armas brancas, e outros portavam bolinhas de gude que são usadas em bombas caseiras ou para atirar e ferir a polícia.

terça-feira, 23 de maio de 2017

A Catedral de Westminster será uma mesquita e o Big Ben se tornará um minarete?

Por Thiago Kistenmacher

Eu já escrevi sobre o Islã e o terrorismo aqui no Instituto Liberal. Também falei que conheço alguns muçulmanos que me são caros. Tenho um grande carinho por uma família palestina que me acolheu por um mês em Ramallah/Al-Bireh quando visitei a região. Essa família é composta pelo pai, mãe e dois filhos. Ele, o pai, mesmo sendo um homem de fé islâmica, do tipo que reza cinco vezes ao dia em direção à Meca, jamais pegaria em armas ou defenderia seitas como o Estado Islâmico. Ao contrário. É um homem pacífico que não merece o rótulo de “terrorista” por causa dos malucos que abrem fogo contra multidões ou se explodem a fim de adentrar no paraíso.

terça-feira, 16 de maio de 2017

Dilma, o e-mail que revelou a mente de uma psicopata


Por Antonio Pínho 

Dilma virou uma piada. Suas frases de sintaxe ilógica deram margem a uma multidão de piadas. Em sua era no poder, uma língua completamente sem sentido nasceu, o dilmês. Acostumado a anos de discursos malucos, sem respeito algum com a língua culta, cheguei a pensar que Dilma tivesse mesmo problemas mentais. Vários são os relatos de que, frequentemente, Dilma se descontrolava e gritava com seus subordinados enquanto estava na presidência. De fato, no cargo máximo da nação parecia estar uma pessoa doente, no mínimo com um QI inferior à média. O grande gênio era o nove dedos, e Dilma era apenas uma peça no tabuleiro, mero títere do grande chefão da quadrilha.

Em grande parte creio que isso é mesmo verdade. Contudo, a revelação do e-mail secreto, que Dilma mantinha com o marqueteiro João Santana e sua mulher, Mônica Moura, nos mostrou sua outra face, seu lado mais verdadeiro. 2606iolanda@gmail.com é o e-mail mais comentado do momento.

domingo, 14 de maio de 2017

Coreia do Norte contrata professores estrangeiros: uma oportunidade para o seu professor doutrinador.

Por Thiago Kistenmacher

Segundo informa o portal UOL, a Coreia do Norte está contratando professores estrangeiros. Esta talvez seja uma grande oportunidade para aquele seu professor apaixonado pelo comunismo. É chegada a hora de migrar para o tão sonhado “paraíso” comunista amplamente defendido pelos doutrinadores. Mas para entrar no “céu” é preciso disciplina, por isso a República “Popular Democrática” da Coreia apresenta alguns requisitos para as candidaturas. Vejamos quais são:


sexta-feira, 12 de maio de 2017

Brasil lidera produtividade agropecuária mundial


O agronegócio é uma ilha de excelência em meio a tantos problemas e conflitos. Há poucos dias comentei aqui: “Parece que todas as forças se uniram para destruir justamente o setor mais dinâmico e próspero da economia brasileira. Nosso produtor rural é um herói que enfrenta mil obstáculos todos os dias para gerar empregos e riquezas.

Apesar de tantas notícias econômicas ruins nos últimos dois anos, o agro é uma exceção. No aspecto geral da economia, temos uma década perdida, porque vai demorar pelo menos um decênio para recuperar o estrago gerado pela era PT. Enquanto o Brasil patina, o agro cresce. A média de crescimento ao ano da agropecuária nos últimos anos tem sido de 4,28%.

Por que é importante escrever sobre paranoias politicamente corretas?

Por Thiago Kistenmacher Vieira

Sempre que me deparo com uma paranoia politicamente correta escrevo para o Instituto Liberal, tanto que meu amigo Antônio Pinho costuma brincar que estou fazendo uma coleção de demências politicamente corretas. Algumas vezes, no entanto, leio comentários alegando ser desnecessário falar sobre o assunto. Para algumas pessoas, tal iniciativa serviria para “fazer eco” a essas maluquices, o que seria, portanto, colaborar com a sua propagação. Eu discordo. Aliás, penso que propagá-las pode ser até mesmo benéfico, ou seja, o ato de discuti-las publicamente pode ser comparado a uma campanha de prevenção na tentativa de restringir seu contágio. Por isso decidi escrever o presente texto, para tentar demonstrar que discutir essas paranoias é importante, afinal, é exatamente por serem paranoias que elas devem ser tratadas antes que o quadro se agrave.